28 de abril de 2022

NTSC ou PAL – Qual é o melhor?

9 min

9 536

Se você deseja alterar o formato do seu vídeo, use o Movavi Video Converter!

  • Conversão na velocidade da luz
  • Processamento de arquivos em massa – qualquer número e tamanho
  • Sem perda de qualidade, mesmo com vídeos em 4K
  • Edição e compressão fáceis

Existem milhares de padrões diferentes para cada produto e, às vezes, esses padrões são conflitantes. A televisão com seus três padrões principais, NTSC, PAL e SECAM, não é exceção. Neste artigo, falaremos sobre o que é PAL e NTSC com mais detalhes.

O que é NTSC ou PAL (página em inglês)

Você também pode conferir o Movavi Video Converter, uma ferramenta simples e eficaz para alternar entre formatos de vídeo, áudio e imagem.

Parâmetro

NTSC

PAL

AbreviaçãoNational Television Standard CommitteePhase Alternating Line
Quadros por segundo29.9725
Largura de banda de vídeo4.2 MHz5 MHz
Portadora de áudio4.5 MHz5.5 MHz
Linhas/campo525/60625/60
Países onde o padrão é usadoAmérica do Norte, partes da América do Sul, América Central, Japão, Coreia do SulReino Unido, Austrália, Suécia, Índia, África
Frequência vertical60 Hz50 Hz
Frequência horizontal15.734 kHz15.625 kHz
Frequência da subportadora de cor3.579545 MHz4.433618 MHz

Oferta especial: Movavi Video Converter

O Movavi Video Converter é uma excelente opção para conversão de vídeo e áudio. Ele pode converter e compactar arquivos em 180 formatos. Ele também vem com um editor integrado que ajuda a fazer edições básicas de vídeo antes da conversão, como ajustes de qualidade e corte. É uma opção fácil de usar e é uma excelente escolha para iniciantes.

O que é NTSC ou PAL?

Primeiro, vamos descobrir o que é NTSC e PAL.

O NTSC (cujo significado é "National Television Standard Committee") é um sistema analógico de codificação de cores usado em aparelhos de DVD e, até recentemente, na transmissão de televisão na América do Norte. Na década de 1950, a televisão em preto e branco começou dar espaço para a TV a cores, e o padrão técnico anterior tornou-se obsoleto. Na época, as empresas de radiodifusão dos Estados Unidos estavam usando uma ampla gama de métodos para codificar cores, cada um conflitando com o outro. Foi só em 1953 que um novo padrão de TV foi introduzido pelo National Television System Committee e denominado "NTSC". Esse formato foi desenvolvido com o intuito de ser compatível com a maioria dos aparelhos de TV do país, sejam eles em cores ou em preto e branco. Embora as emissoras de televisão modernas tenham migrado para o digital, o número de linhas de resolução e a taxa de quadros que usam são os mesmos que os estabelecidos pelo formato NTSC.

O PAL (ou “Phase Alternating Line”) é outro sistema para televisão analógica em cores, também usado em leitores de DVD e Blu-ray. Projetado no final da década de 1950 na Alemanha, o formato PAL deveria lidar com certas deficiências do NTSC, incluindo a instabilidade do sinal em condições climáticas adversas, o que era especialmente relevante para as emissoras europeias. O novo padrão era resolver o problema invertendo todas as outras linhas de um sinal de TV e, assim, eliminando erros. O PAL também forneceu a frequência de imagem exigida localmente, 50 Hz. Este formato, ao contrário do NTSC, ainda é empregado para transmissão nos países onde foi adotado.

Existe também um terceiro sistema chamado SECAM (Séquentiel couleur à mémoire – “cor sequencial com memória” em francês). Ele foi desenvolvido na França como outra alternativa ao NTSC, e é usado lá e no Leste Europeu.

Qual é a diferença entre PAL e NTSC?

Então, qual é a diferença entre NTSC e PAL? Aqui estão as principais diferenças entre NTSC e PAL:

FPS (quadros por segundo)

A primeira verdadeira diferença entre os dois padrões é a taxa de FPS (quadros por segundo), 29,97 para NTSC e 25 para PAL. No caso do NTSC, costumava ser 30 FPS ou um único quadro para cada alternância completa de uma tomada elétrica doméstica de 60 Hz. No entanto, quando surgiu a transmissão em cores, as TVs em preto e branco foram incapazes de interpretar os sinais de cor e brilho corretamente, exibindo imagens sem sentido em suas telas. Para lidar com este problema, um sinal de crominância adicional teve de ser adicionado entre as oscilações do sinal de luminância, que poderia ser ignorado com segurança por TVs em preto e branco e ser exibido corretamente por TVs coloridas com a ajuda de um adaptador especial. Esse sinal extra levou ao alongamento do tempo necessário para transferir cada quadro e reduziu o FPS de 30 para 29,97 para NTSC. Os lares nas regiões PAL usam um tipo diferente de tomadas de corrente com uma frequência diferente – 50 Hz, o que também explica a diferente taxa de quadros por segundo para PAL.

Número de linhas de resolução

Outra diferença importante é o número de linhas de resolução usadas por cada um dos padrões. O NTSC fornece 525 linhas, com 480 aparecendo visivelmente (o que é conhecido como 480i). Para PAL, este parâmetro corresponde a 625 linhas, com 576 sendo visíveis (576i). Em um sinal de vídeo PAL, a fase da informação de cor é invertida com cada linha, o que é refletido no próprio nome do padrão (“Linha alternada de fase”). Essa reversão leva a correções automáticas de erros de fase na transmissão do sinal e, em última instância, a uma imagem de maior qualidade e fidelidade. No entanto, alguma resolução de cor vertical é perdida no processo, e as cores nas linhas adjacentes tendem a se confundir, embora isso seja imperceptível ao olho humano.

Em DVDs, onde não há codificação de sinal baseada em onda portadora, as diferenças de frequência e linhas não aparecem. Os únicos fatores que importam são a taxa de quadros e a resolução. Vídeos e filmes são armazenados em DVDs com taxas de quadros diferentes, 24, 25 ou 30 FPS; bem como em diferentes resoluções, 720 x 480 pixels para DVDs NTSC e 720 x 576 pixels para PAL. Os dados em um DVD são lidos por um DVD player e formatados para apresentação em um determinado aparelho de TV, NTSC ou PAL. Na verdade, os discos de vídeo digital PAL parecem ter uma vantagem sobre os discos NTSC, já que os PAL apresentam pixels de resolução maior. O mesmo se aplica a leitores de VHS, câmeras GoPro e alguns outros dispositivos PAL/NTSC.

Agora você sabe qual é a diferença entre PAL e NTSC.

Por que esses padrões ainda existem?

O mundo mudou um pouco desde a década de 1950, e os desafios anteriores que esses padrões de TV foram projetados para resolver simplesmente não se aplicam mais. No entanto, Blu-rays, DVDs e muitas outras mídias ainda são rotulados como PAL ou NTSC, e as resoluções, temporizações e outros parâmetros estabelecidos nesses padrões ainda são usados em aparelhos e monitores de TV modernos.

A principal razão para isso é a aplicação das leis nacionais de direitos autorais. O uso de uma variedade de formatos de vídeo atua como uma camada adicional de proteção, evitando a distribuição ilegal de filmes, programas de televisão e videogames nos países aos quais não foram destinados. Esse uso de formatos restritos por região é tão bem estabelecido que as respectivas áreas de distribuição de produtos eletrônicos são frequentemente chamadas de regiões PAL ou NTSC, apesar do próprio software funcionar perfeitamente em qualquer tipo de monitor.

Onde são usados NTSC e PAL?

Todos os padrões são limitados a partes específicas do mundo. O NTSC é encontrado principalmente na América do Norte, alguns países da América do Sul, Filipinas, Mianmar, Taiwan, Coreia do Sul e Japão. PAL é muito mais comum, cobrindo a maior parte da Europa Ocidental, China, Índia, Austrália, grande parte da África e outros lugares. SECAM, o terceiro sistema, é usado em algumas outras partes da África, Rússia e França.

Veja a distribuição dos formatos de vídeo NTSC ou PAL e SECAM no mapa abaixo.

NTSC ou PAL – qual escolher?

Então, NTSC ou PAL, qual o melhor? A resposta a esta pergunta depende principalmente de sua localização e de seu público. Se você estiver criando vídeos para visualização global, é mais seguro ir de NTSC, já que a maioria dos reprodutores de DVD e videocassetes PAL são capazes de reproduzir vídeo NTSC de qualquer maneira, enquanto as plataformas NTSC geralmente não funcionam com conteúdo PAL.

Como converter arquivos entre NTSC e PAL?

Então, você descobriu que seu vídeo tem um padrão errado. O que fazer, então? A primeira coisa que vem à mente é mudar o padrão com um programa de conversão de vídeo. Claro, nem todo conversor de vídeo tem essa opção. No entanto, o Movavi Video Converter pode fazer isso. Basta instalar o programa, adicionar seu vídeo e escolher a predefinição correta (NTSC ou PAL).

Quer saber mais? Leia o guia abaixo para descobrir como converter NTSC para PAL e vice-versa com o Movavi Video Converter.

Guia de conversão de vídeo Movavi de NTSC para PAL (página em inglês)

Rodrigo Alves

Rodrigo Alves é um redator com experiência em criação e tradução de textos sobre softwares para PCs, aplicativos móveis, plataformas SaaS, investimentos no mercado financeiro, inovações tecnológicas, ensino de idiomas, cultura e política. Além disso, Rodrigo é especialista em redação de notícias sobre a Catalunha. Desde 2018, é o editor-chefe do portal de notícias Aqui Catalunha, o primeiro e único em língua portuguesa exclusivamente dedicado à atualidade catalã. Tem formação acadêmica em Letras, e está em contínuo processo de aprendizagem e criação.

Perguntas frequentes

📺 Como faço para converter de PAL para NTSC?

Para converter de PAL para NSTC, tente usar o Movavi Video Converter. Siga o guia passo a passo abaixo para aprender como converter seus arquivos PAL.

Como converter de NTSC para PAL e vice-versa (página em inglês)

🌍 Quais países usam o formato de vídeo PAL?

O PAL é usado principalmente na Europa Ocidental, bem como na China, Índia, Brasil, Argentina, Austrália, Nova Zelândia e em vários países africanos.